VIGÁRIO DO REITOR-MOR

 

doc   pdf   zip

SOCIEDADE DE SÃO FRANCISCO DE SALES

casa geral salesiana

Via della Pisana 1111 - 00163 Roma

O Vigário do Reitor-Mor

Roma, 21 de março de 2016

Prot. n. 16/0111

Aos Reverendos

Inspetores e Superiores

Em suas sedes

Caríssimo Inspetor,

                              espero que estejas bem e que esta semana santa te ajude a viver, com os irmãos, um intenso clima espiritual.

Nestes dias, nas reuniões do Conselho Geral intermédio, estudamos entre outros temas, como se dará a aprovação dos Capítulos Inspetoriais sobre os dois temas solicitados a cada Inspetoria. Para informação, comunico-te como será o trabalho do Conselho Geral no estudo desses Capítulos em vista da sua aprovação. Estes elementos que agora te ofereço serão vistos depois com todo o Conselho Geral em junho, antes do estudo dos mesmos Capítulos.

1. Aplicação do CG27

Verificaremos, no estudo deste tema, se as orientações e as opções do Capítulo Inspetorial para a atuação do CG27 são coerentes com as Constituições e os Regulamentos Gerais. Além disso, examinaremos se os aspectos operativos fundamentais indicados pelo CG27 foram assumidos e concretizados para a vida da Inspetoria; avaliaremos em especial estes aspectos: identidade da vida consagrada salesiana, vida espiritual pessoal e comunitária, necessidade do guia espiritual, fraternidade nas comunidades, promoção da vocação do salesiano coadjutor, formação inicial e permanente à afetividade, envolvimento dos leigos no espírito e na missão, sinergia com a Família Salesiana, atuação da pastoral familiar, assistência e presença animadora entre os jovens, transparência, profissionalismo e solidariedade no uso dos bens.

2.Redesenho das presenças salesianas na Inspetoria

No estudo deste tema, examinaremos se e quais critérios foram indicados pelo Capítulo Inspetorial relativos à consistência quantitativa e qualitativa das comunidades, às tarefas dos irmãos salesianos na animação das obras e às tarefas dos leigos, à promoção da vocação consagrada salesiana, à necessidade de abrir novas obras, à entrega de obras aos leigos sob a responsabilidade inspetorial, à qualificação dos irmãos, ao encerramento de obras, ao trabalho pelos jovens pobres, à sustentabilidade das obras, à disponibilidade para enviar irmãos a outras Inspetorias e acolher irmãos de outras Inspetorias, ao envolvimento da Família Salesiana em nossas presenças.

Colho a ocasião para apresentar-te os votos de Feliz Páscoa. Em Dom Bosco,

                                                                                                 Padre Francesco Cereda